1º Fórum de Biossegurança e bioética em São Paulo.

Por Alessandro McGregor Publicado em 20 de novembro de 2017


1º Fórum de Biossegurança e bioética discute como garantir a segurança na tatuagem no Brasil


O vereador George Hato e a Tattoo Week, empresa que realiza a maior convenção de tatuagem do mundo, promovem no próximo dia 23 de novembro, na Câmara Municipal de São Paulo, o Fórum de Biossegurança e bioética na tatuagem.

O evento objetiva discutir e apresentar os procedimentos médicos de segurança na tatuagem, protocolos de segurança, legislação e regulamentação da profissão no país.

Participam do Fórum, o conselheiro e coordenador das Delegacias Metropolitanas do Cremesp, o médico e cirurgião plástico Nívio Lemos Moreira Júnior; a professora universitária e advogada Carla Vasconcelos, doutora em direito de saúde pela UFMG e doutorado pela Université Libre de Bruxelas, Bélgica, sócia da Dadalto & Carvalho Advogados Associados. Pelo Coren, participa a enfermeira

Ivany Machado de Carvalho Baptista, membro da Câmara Técnica entre outros palestrantes.


Segurança na tatuagem

A Tattoo Week, maior convenção de tatuagem do mundo, e o vereador George Hato estão abrindo o debate com representações de saúde e compartilhando experiências com organismos internacionais para normatizar e regulamentar a tatuagem no país.

O objetivo é levar ao Congresso Nacional proposta de projeto de lei para implantar no Brasil normas e procedimentos de segurança, que inclui a regulamentação da profissão do tatuador no Brasil.

Esther Gawendo, coordenadora da Tattoo Week, destaca que entre as normas de segurança, importante incluir um documento denominado “ Consentimento informado”, a ser preenchido e assinado por tatuador e seu cliente, antes de se iniciar a sessão de tatuagem.

Funcionando como um prontuário do cliente, o documento de Consentimento informado formaliza a autorização do cliente para realização do procedimento.

O vereador George Hato, que é médico, quer contribuir para garantia da segurança nos processos da arte na pele. " Como medico, acho importante abrir o debate porque a segurança na tatuagem é uma questāo de saúde pública", destaca

"Levaremos proposta ao Congresso, com o apoio técnico de Albert Grau Loyola, presidente do Comitê Europeu de Normatização da Tatuagem, que nos traz a experiência europeia nos processos de higiene e saúde”, garante Esther Gawendo.



Consentimento informado garante segurança

No Consentimento informado, o tatuador registra todas as informações referentes a materiais utilizados como agulhas, tinta, especificando o lote, data de validade, marca e modelo. Todo material estéril precisa estar relacionado.

Em caso de alguma reação adversa, pode-se chegar à fonte do problema, evitando por exemplo, que um lote com defeito de algum produto, continue circulando no mercado.

Também o cliente, que será submetido ao procedimento, participa do documento, fornecendo dados pessoais e informando sobre alguma doença que tem ou teve, baixa imunidade etc. Dependendo do caso, necessita de autorização médica para o procedimento.

Para Albert Grau Loyola, o documento é similar ao que o paciente preenche quando se submete a um procedimento em um serviço de saúde. “ Na Europa, esse procedimento faz parte do protocolo de atendimento em qualquer estúdio de tatuagem e certamente garante segurança para o tatuado e para o tatuador”, explica.

Na Europa, a profissão é regulamentada e o tatuador recebe uma licença para trabalhar, que necessita ser renovada periodiocamente mediante cursos de reciclagem sobre protocolos de trabalho e normatização de procedimentos.

Com mais de 30 anos de experiência na arte da tattoo, Enio Conte,idealizador da Tattoo Week, acredita que não basta ao tatuador ser um bom artista. “ Precisa estar consciente de que a tatuagem manipula a pele, elemento de proteção do corpo e, ao manipulá-la, precisa se utilizar de procedimentos de segurança para ele próprio e para o seu cliente.Daí a necessidade da padronização do protocolo de trabalho do tatuador, destaca.


1º Fórum de Biossegurança e Bioética na Tatuagem
» Data : 23 de novembro ( quinta feira), das 13h30 às 18h00
» Local : Câmara Municipal de São Paulo - Sala Oscar Pedroso Horta- 1º subsolo – Viaduto Jacareí, 100- Bela Vista
» VAGAS LIMITADAS - Inscrições gratuitas pelo email: contato@tattooweek.com.br
» Idealização: George Hato e Tattoo Week
» Apoio: Klan Tattoo - Pixel Art Books - Câmara Municipal de São Paulo - George Hato

Evento: www.facebook.com/events/1986850981589509


Avalie este post

Dê uma nota de 1 a 5 estrelas

Comentários

Faça um comentário sobre este post